segunda-feira, maio 07, 2007

Olhares


Só quero ser olhada em silêncio... sem interferências... sem retalhos de passado, ser olhada por detrás de uma cortina de nevoeiro transparente.

Só quero ser contemplada por filas intermináveis de letras... organizadas, sorridentes, sem princípio, nem fim.

Só quero ser respeitada como a gota de água que faz o copo transbordar.