terça-feira, maio 12, 2009

Solidão revisitada


Talvez não seja mais do que uma solidão com travo a verdade...
Talvez até desapareça amanhã, ou depois. E, talvez até nem volte. Não estou triste por ela ter conquistado um espaço tão importante nos meus dias. Estou surpreendida, talvez perplexa, por ela me ter apanhado desprevenida.

2 comentários:

Dexter disse...

Posso me sentar nesse banco e desfrutar desse luar ?

Tina disse...

Podes sim. Aceita-se companhia... :-)